Gabigol fala sobre ansiedade pelo primeiro título e felicidade no Flamengo

Após vencer o Vasco por 2 a 0 no jogo de ida, o Flamengo pode perder por até um gol de diferença no próximo domingo (21), às 16h (de Brasília), no Maracanã, que levantará seu 35º título carioca. Apesar da vantagem rubro-negra, Gabigol afirmou que a equipe vai pressionar para marcar mais gols no rival. 

– É outro jogo, temos que entrar focados. Eles têm grande equipe, podem fazer grande jogo. Temos que tentar apertar eles, manter nosso ritmo de jogo, pressionar, tentar fazer gols. Em algum momento, se for pensar na vantagem, tem que ser nos últimos minutos.

Autor dos dois gols na primeira partida da decisão, Bruno Henrique, que foi suspenso e não vai atuar no segundo jogo, passou Gabriel Barbosa e assumiu a artilharia do Campeonato Carioca com 8 gols marcados. Gabigol, que tem sete na competição, falou sobre a disputa com seu companheiro de ataque no Fla.

– Feliz pelo Bruno, pelos gols que ele fez no último jogo, não é algo que procuro e penso. Quero ser campeão. Já fui artilheiro de grandes campeonatos pelo Brasil. Pode ser meu primeiro título. Isso que me deixa ansioso, feliz.

Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Confira outros trechos da entrevista com o camisa 9 do Flamengo:

Felicidade no Flamengo:

– Em todos times fui muito feliz, independentemente de jogar e fazer gols. Talvez depois do Santos ou junto com o Santos, seja o que estou mais feliz. Pelo ambiente, torcida, estou muito ansioso para domingo, respeitando o Vasco, mas para ser campeão.

Importância do título Carioca:

– Título é título, tem que comemorar e valorizar. Lutamos muito para chegar nessa final. Acho que vai ser muito bem comemorado se acontecer. Mas tem muita coisa para acontecer e respeitamos muito a equipe do Vasco.

Preparação com semana livre para final:

– A gente ganhou alguns dias, isso interfere, foi bom para a gente. Estamos trabalhando forte com Abel, descansando alguns jogadores. Tudo influi para chegar confiante no jogo. Tem essa vantagem (de não viajar, ao contrário do Vasco), mas chega na hora do jogo não tem nada disso.

Gabigol, Diego e Cuéllar puxam fila, e Flamengo supera R$ 4 milhões em camisas em dois dias

LEIA TAMBÉM:
Diretor do Bahia confirma interesse em Rodinei e sondagem do Fla por Ramires
Flamengo tem interesse na contratação de Ramires, ex-Chelsea
Lincoln ganha elogios de Abel e define metas para 2019: “gols e títulos”
Bruno Henrique analisa bom momento no Flamengo: “para mim, não é surpresa”

Foto: Divulgação

Curtiu essa matéria? Siga o jornalista no Twitter: Allan Abi Madi – @AllanMadi

Compartilhe!