Fla ajusta detalhes de renovação de Cuéllar e tenta novamente repatriar Walace

O departamento de futebol do Flamengo esperava ter anunciado a renovação de contrato de Cuéllar, até julho de 2022, na última semana. Mas o acordo, que segue próximo, ainda não foi para o papel. Alguns ajustes do novo vínculo ainda estão sendo discutidos – bases contratuais – e nova reunião será marcada para definir a questão. O Rubro-Negro segue confiante em estender o contrato do colombiano, xodó da torcida do Flamengo.

Ainda antes das sondagens do mercado exterior – agentes procuraram a diretoria do Flamengo para sinalizar com ofertas a caminho pelo volante -, o clube se programou para atender a um desejo do atleta, com vínculo mais longo – o atual vai até dezembro de 2019 – e reajuste salarial. A multa para o mercado externo é altíssima. Cerca de 50 milhões de euros.

Walace novamente na mira

Enquanto negocia a permanência por mais tempo de Cuéllar, o Flamengo – com ações do vice-presidente de futebol, Ricardo Lomba, e do diretor Carlos Noval, com auxílio do centro de inteligência – tenta novamente a contratação de Walace, do Hamburgo.

Rebaixado pela primeira vez em sua história no Campeonato Alemão, o clube do ex-jogador do Grêmio não deve fazer força para manter o atleta. Como no início do ano, quando chegou a fechar as bases salariais e luvas para a contratação, a opção de contratação é por empréstimo. A expectativa é que o negócio avance na próxima semana.

Os representantes do atleta não falam da negociação. Tampouco o Flamengo comenta o assunto. A chegada de Walace serve para reforçar o setor. Willian Arão e Rômulo estão fora dos planos com a ascensão de Jean Lucas e o bom momento de Jonas, substituto imediato de Cuéllar.

Globo Esporte

Compartilhe!